• Início
  • Artigos
  • The Flash e a maldição da Terceira Temporada na CW
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.
| José Victor | , , ,

The Flash e a maldição da Terceira Temporada na CW

Antes de começar essa review, quero que me respondam uma pergunta: Em qual temporada tem aquele vilão que se torna amigo do Barry, ele descobre que estava sendo manipulado, leva uma surra e vence no final?

Advertisement

Sim, todas. Uma temporada que tinha tudo para ser diferente das demais acabou se tornando mais do mesmo. O terceiro ano da série começa com um evento que muitos fãs (inclusive eu) estavam animados para ver: o Flashpoint. Infelizmente foi porcamente aproveitado pela CW tendo como único destaque a participação do Flash Reverso, mas isso tudo dá pra entender visto que a série é limitada e não tem como adaptar fielmente a HQ, porém podiam ter caprichado mais. Vida que segue, vemos as consequências causadas por essa linha temporal alternativa: surgem novos vilões criados pelo Alquimia e até aí estava tudo bem, até que decidiram introduzir mais um vilão velocista: Savitar. A série se torna mais da mesma nesse ponto, até que na metade da temporada tem um gancho que te dá uma expectativa de que o desfecho será sensacional… mas é só expectativa mesmo.

the-flash-once-and-future-flash-savitar-poster-6324227-7244519

SPOILER ALERT!

No meio da temporada, Barry viaja para o futuro e vê Savitar matando Iris, ou seja, da metade para o final é o desenrolar de como se pode evitar esse evento. Tudo é bem construído e a série dá uma melhorada nessa parte, porém, a partir do momento que Savitar revela sua identidade tudo cai por água abaixo. A partir disso, começa uma conclusão rápida e mal explicada com um desfecho horrível e, infelizmente, previsível. Eles não tiveram coragem para ousar, e isso estragou uma temporada que parecia promissora.

Mas existem pontos bons nessa temporada que merecem ser ressaltados: a relação entre os personagens, a introdução de Julian (novo personagem interpretado por Tom Felton), a atuação dos personagens e a trama de Caitlin em sua transformação em Nevasca.

Em suma, a terceira temporada de Flash sofre com a repetição de história e com um final ruim demais pra ser verdade e isso precisa ser resolvido com novos vilões (que não sejam velocistas, pelo amor de Deus) e novas tramas com o time Flash.

1 Real a Hora

Encontre Sua Trilha No Mundo Nerd!
1 Real a Hora - 2020 | Desenvolvido por Vedrak | Mantido online e operante em parceria com a Nixem Cloud