Epic Games esclarece polemica com Zenon

| Tiago Amorim |

A produtora do Fortnite, a Epic Games, se posicionou na tarde desta terça-feira sobre a situação que envolve o jogador zenon, da Detona Gaming, que recebeu uma punição severa de 4 anos nesta segunda o que gerou uma revolta internacional entre os jogadores de Eesports, que levantaram a tag #FreeZenon.

A Epic tentou esclarecer os fatos e explicou que o fato do garoto ter nove anos, torna necessário que ele tenha a idade elegível para participar de qualquer torneio oficial do Fortnite, é por conta disso ele foi removido do FNCS Invitational.

No entanto o banimento comprometeu o jogador completamente por se estender ao modo arena este fato prejudicou o jogador.

A Epic Disse que infelizmente, por causa de uma limitação, um banimento competitivo atualmente bloqueia a participação dos jogadores de todos os modos do jogo.

Eles compreendem que isso ano é certo e pretendem implementar atualizações futuras que vão mudar esta situação, para que jogadores que não são elegíveis a participar de eventos competitivos possam continuar jogando no modo arena.

A produtora também revelou que a conta do Zenon não está banida e que ele poderá jogar em qualquer modo não competitivo do fortnite. Além disso ressaltou que os quatro anos que apareceram na hora do banimento é apenas uma formalidade que revela o período necessário que ele precisa esperar para competir.

O garoto agradeceu ao apoio que vem recebendo da comunidade gamer, e vai seguir jogando em outra conta até que a atualização prometida pela Epic entre em vigor.

Muito obrigado pela ajuda de todos. Vou poder jogar Arena, mas só quando a próxima atualização vier. Eu vou jogar com a minha outra conta. Muito obrigado Fortnite por deixar eu jogar por enquanto – disse Zenon.

1 Real a Hora

Encontre Sua Trilha No Mundo Nerd!
1 Real a Hora - 2020 | Desenvolvido por Vedrak | Mantido online e operante em parceria com a Nixem Cloud

Adblock Detectado

Nosso website necessita exibir anúncios para poder se manter, por favor desabilite o adblock para colaborar com o 1 real a hora