| Tiago Amorim | ,

Entrevistamos Matheus “Picoca” Tavares!

E com prazer que venho lhes dizer que tivemos a honra de entrevistar o  Matheus “Picoca” Tavares, famoso streamer de League of Legends e que inclusive jogou pela Pain Gamming  esse ano no primeiro split do campeonato brasilieiro.
O jogador estrela na twitch foi trazido ate fortaleza pra ter um momento aqui antes do evento Desafio dos Invocadores, pra quem não sabe no dia 26 de novembro vai acontecer uma disputa entre a Pain Gamming e a Intz, os dois maiores times de League of legends do Brasil, campeões de 2015 e 2016 respectivamente viram ate Fortaleza pra se enfrentarem em um tudo ou nada em um evento presencial.
Os organizadores do evento estão se empenhando ao máximo pra mostrar que os outros estados também merecem atenção do E-sports, essa maravilha que permite nós jogadores nos profissionalizar nos jogos que mais gostamos de competir.
A equipe do 1real a hora agradece a oportunidade dada pelo Desafio dos Invocadores e espera ansiosa para o dia do evento pra marcar presença e trazer pra vocês os bastidores desse evento incrível!
Mas vamos voltar ao assunto do dia, O famoso COLITINHA passou o dia com a equipe do Desafio dos Invocadores conhecendo a cidade e seus fãs que estavam em massa pra tirar fotos e receberem o carinho do jogador da Pain, mais tarde “Picoca” deu uma entrevista apenas pra imprensa ligada a entretenimento geek/nerd e nossa equipe estava por lá pra conhecer de perto essa figura!
Perguntamos bastante como foi sua experiência na casa da Pain e como foi jogar seis meses em um dois maiores times do Brasil, “Picoca” foi sincero e sempre sorridente mostrando  que já esta acostumado com a imprensa respondendo as perguntas da mesma maneira que faz suas lives, com muito carinho e animação, ele contou pra gente o divisor de águas que foi jogar pela Pain e que desde que começou a jogar LOL sempre teve vontade de se provar no competitivo, responder a pergunta que todos nos jogadores casuais fazemos em nosso intimo Será que jogaria tão bem quanto os profissionais no cenário competitivo? E o Colitinha teve a resposta em pouco tempo mandando muito bem na posição de suport da Pain Gamming, ao final do primeiro split ele decidiu que seguiria com a vida de streamer, pois aquilo era o que ele fazia de melhor, porem a  experiência do competitivo lhe ajudou a amadurecer e seguir o melhor caminho na sua carreira.
Gravamos um pouco da entrevista então curtam um pouco dos melhores momentos de descontração que tivemos com Matheus “Picoca” Tavares.

Advertisement

Agradeçemos ao Colitinha pela simpatia e desejamos tudo de bom no futuro desse rapaz que esta sempre marcando presença no twicth!

Se ainda não conhecem o Picoca os links estão aqui, vai la o cara e fera!
E se você for de Fortaleza ou ate mesmo do Nordeste da uma olhada no evento, vem que vai ser demais!
https://www.facebook.com/desafioinvocadores/

https://www.facebook.com/picocalol/
Instagram e twitter: @colitinha

1 Real a Hora

Encontre Sua Trilha No Mundo Nerd!
1 Real a Hora - 2020 | Desenvolvido por Vedrak | Mantido online e operante em parceria com a Nixem Cloud