Neve Negra e o mistério Argentino | Review

Neve Negra é um filme policial/de mistério que se passa na patagônia, na Argentina. Quando seu pai morre, Marcos (Leonardo Sbaraglia) e sua esposa Laura (Laia Costa) vão visitar seu irmão, Salvador (Ricardo Darín), para tentar convencê-lo à vender o recluso chalé onde ele mora, nas gélidas montanhas argentinas. A história vai e volta entre presente e passado, revirando acontecimentos há muito enterrados na vida da família.

O filme conta com um ótimo elenco. Ricardo Darín, como sempre está muito bem, interpretando o irmão do personagem principal em um papel extremamente complexo, sua história me deu vontade de assistir de novo só para reparar melhor nos detalhes que fazem mais sentido uma vez que sabemos o final. Igualmente, os outros dois atores foram impecáveis em seus papéis, todos capazes de demonstrar a emoção e o tom da cena por vezes apenas com olhares.

A história é cheia de reviravoltas que no final fazem perfeito sentido. Tudo foi muito bem construído: da fotografia, à trilha sonora, tudo te puxava para dentro da história em uma produção que parecia relativamente simples de ser feita, sem grandes efeitos, mas uma história bem escrita e uma excelente equipe no total.

No final a história do que realmente havia acontecido anos atrás se revela para o espectador, e esta parecia saída de um conto de Nelson Rodrigues. Realmente muito bem feito e coeso com o resto do filme. Se você é fã de filmes de mistério, eu definitivamente recomendaria assistir Neve Negra.