Desde sua aparição em Capitão América: Guerra Civil e de seus trailers eu já estava bastante hypado para esse filme e, sinceramente, valeu a pena o hype. Homem-Aranha: De Volta ao Lar é tudo que eu esperava e mais um pouco.

O longa começa explicando a origem do Abutre (Michael Keaton) no meio da sucata deixada pelos chitauri na batalha dos vingadores, oito anos antes dos acontecimentos do filme. Após a logo da Marvel, vemos uma gravação estilo vlog recapitulando os acontecimentos de Guerra Civil e depois começa a história. Vemos o dia-a-dia de Peter Parker (Tom Holland): de estudante a herói e é nisso que esse filme mostra seu potencial e o seu diferencial em relação aos seus anteriores (claro que cada um tem seus méritos). Está tudo lá, os problemas da vida escolar, as responsabilidades das aulas e de ser um herói, tudo. O filme não perde tempo contando uma história de origem. Afinal, a vimos ser contada duas vezes em pouco tempo.

Imagem relacionada

Muitos fãs estavam preocupados sobre a aparição de Tony Stark (Robert Downey Jr.) , nos trailers e nas imagens promocionais ele sempre estava presente mas, felizmente, no filme ele quase não está. Ele realmente está lá, ainda mais depois dos eventos de Guerra Civil, e graças a ele que temos uma maravilhosa surpresa no final do filme. O clima do filme é bem leve, você simplesmente assiste e relaxa, se diverte, é um filme maravilhoso. Não tem o que falar mal dele, de verdade.

O elenco do filme trabalha bem junto, a relação de Peter com a Tia May (Marisa Tomei) é sensacional. A química que ele e Tony Stark possuem foi bastante aproveitada, uma relação bem mentor/aprendiz que eu particulamente achei bem importante ser mostrada no filme. O Abutre é, definitivamente, um dos melhores vilões do MCU e o embate entre ele e o Homem-Aranha é muito bem feito, inclusive a luta final prova que o amigão da vizinhança merece um lugar ao lado dos vingadores.

Resultado de imagem para spiderman homecoming wallpaper

Homem-Aranha: De Volta ao Lar é um filme de herói diferente, mostra o lado humano de Peter Parker, o quanto ele quer ser aceito e o quanto ele quer mostrar o que ele é capaz de fazer. O longa é um prato cheio pra todos os fãs do cabeça de teia, tanto dos quadrinhos como dos filmes anteriores. Tom Holland realmente mostrou que está mais do que pronto para assumir o manto, tanto que Homem-Aranha como de Peter Parker.

Enfim, bem-vindo de volta ao lar, cabeça de teia!

José Victor
Me segue!

José Victor

Redator Chefe do 1 Real a Hora, apaixonado por jogos e tecnologia, fanboy da DC (mas também aceito a Marvel em meu coração) e amante de cinema.
José Victor
Me segue!